Rondesp Sul prende indivíduos suspeito de homicídio no Tancredo Neves


03/05/2019 12h38 | Por: Alexandro Sousa/maisteixeira

Policiais militares da Rondesp Sul prenderam nesta quinta-feira 2 de maio, por volta das 23hs50, quatro envolvido no homicídio de Luan Pinheiro Souza, de 19 anos, morto com mais de 20 disparos de arma de fogo, no bairro Tancredo Neves em Teixeira de Freitas.

Segundo os militares que estaria em pratulhamento na Operação Intensificação, quando recebeu denúncia de que os indivíduos que estaria envolvido no homicídio de Luan, estaria em uma residência na Rua Almirante Barroso no bairro Nova Teixeira. De acordo os militares que após informações, deslocaram até a residência onde foram abordados no imóvel três suspeitos, na residência além dos três envolvidos foram encontrados um veículo GM/Prisma de placa PPE 2742, ao fazer uma consulta na placa foi constatado que seria fruto de roubo na cidade de Serra, Espírito Santo.

Os três foram questionados sobre o homicídio, que teria acontecido dia (1º) os três confirmaram a participação, e informando que as armas utilizadas estariam guardadas com outro participante no bairro São Lourenço.

Os militares acabaram deslocando até a residência do outro suspeito, que ao avisar a aproximação da viatura tentou empreender em fuga, não logrando êxito, e preso pelos militares, ao ser questionado a respeito da arma o mesmo respondeu que estariam escondidas dentro de uma cômoda em seu imóvel, onde, foram encontradas duas pistolas. 9 mm.

Os quatros acusados no homicídio de Luan foram identificados como sendo Elpidio Souza Lima de 24, Ramon Santos de Souza de 20, Jose Carlos da Silva Jr. de 25 e Jefferson de Oliveira Reis de 19 anos.

Além das duas pistolas uma. 9mm marca Noriaco numeração  9001810 e uma outra também .9mm Israelense sem marca e numeração, foram encontrados 16 gramas de cocaína, duas buchas de maconha e um veículo GM/Prisma roubado no Espírito Santo.

Todos os envolvidos e os materiais apreendido foram apresentados na sede da Polícia Civil de Teixeira de Freitas, aonde vai fica a disposição da Justiça.