Vídeo: O que seria solução virou crime ambiental em Cumuruxatiba


12/02/2020 22h27 | Por: Alexandro Sousa/maisteixeira

Nossa redação recebeu no início da tarde desta quarta-feira 12 de fevereiro, uma grave denúncia de crime ambiental que vem acontecendo em Cumuruxatiba no distrito de Prado.

Segundo a denúncia uma ONG local mobilizou moradores via Internet, e conseguiram a arrecadar o valor de R$ 16.940,00, dizendo que seria para fazer contenções e barragens para que o óleo não chegasse até os rios e as praias daquela localidade. De acordo a denúncia que o óleo não chegou com tanta intensidade em Cumuruxatiba e sim só respingo que foi retirado pelos próprios funcionários da prefeitura que fizeram a limpeza.

O denunciante ainda nos informou que a ONG, fizeram algumas contenções, em área de preservação permanente que são berçários naturais e depois que fizeram tiraram as fotos e abandonou e agora tá tudo sendo jogado para dentro do mangue e o mar “A Secretaria de Meio ambiente foi informado e até o momento não tomou providencia, a respeito do problema” finalizou o denunciante que pediu para não ser e identificado.

Tentamos contato com a Secretaria do Meio Ambiente da cidade do Prado e até o fechamento desta nota não tivemos nem uma resposta.

Veja as listas dos rios mais atingidos.

Rio Japara Grande, Japaratinga Mirim, Rio dois irmãos, Areia Preta, Rio do Peixe Grande é Rio Cai.